+351 256 890 210

9

Jun, 2015

2ª Comemoração do Dia da Vila

Por: | Tags: , , | Comentários: 0

Comemorando pela 2ª vez o Dia da Vila, Cucujães, festejou, este sábado, o 88º  aniversário da elevação de Cucujães a Vila,que se assinala a 11 de Junho.

Numa iniciativa levada a cabo pela Comissão Consultiva da Cultura da Junta de Freguesia, as comemorações iniciaram-se com o hastear das bandeiras e uma alvorada de foguetes na sede da Junta de Freguesia.

Às 14:30, no Centro Cultural, teve lugar a apresentação do livro “Cucugianis”, da autoria de Valter Santos e Teresa Cruz Tubby e a homenagem a algumas figuras que contribuíram com o seu trabalho individual para a freguesia, Irmã Conceição, Danilo Silva, Dr. Augusto Silva e, para surpresa do próprio co-autor do livro nesse dia lançado, Valter Santos.

No início da cerimónia, Gracinda Leal, vereadora da Cultura da Câmara Municipal, cumprimentou os autores do livro e no decorrer da cerimónia, Ricardo Tavares, em representação do Presidente da Câmara assistiu ao lançamento e apresentação do livro que teve, em simultâneo, a visualização de fotografias do périplo efetuado pelos autores no decorrer do trabalho de investigação em solo de Cucujães para a elaboração do livro.

Simão Godinho, Presidente da Junta de Freguesia, recebeu ainda o Pároco, Padre Artur Matos, os homenageados, no caso da Irmã Conceição, representada pela Irmã Fátima, Diretora da Fundação Condessa Penha Longa e António Gonçalves Gomes, Presidente da Assembleia de Freguesia, em representação do Dr. Augusto Silva.

Dos sete homenageados a título póstumo, dois tiveram presentes familiares a quem se deu a conhecer a gratidão pela contribuição que estes deram para a freguesia, estando explícito no “Cucugianis”então editado, os seus nomes, biografia e vida.

Alexandre Coelho, apresentador do evento, aguçou a curiosidade para este livro referindo algumas aventuras e desventuras destas personalidades que muitos Cucujanenses provavelmente desconhecem a não ser pelo nome e informou que o livro estará à venda na Junta de Freguesia pelo valor de seis euros.

Este dia contou ainda com a participação de diversos representantes das Associações locais, a quem Simão Godinho diz tentar sempre congregar em torno dos acontecimentos culturais, desportivos, recreativos e sociais por reconhecer que estas são as forças vivas de uma freguesia. Ricas de potencial humano, já diversas vezes, a nível nacional, reconhecido estiveram presentes:

Misericórdia de Cucujães, Fundação Manuel Brandão, Associação de Pais da E.B.S. Dr. Ferreira da Silva, Associação de Artesãos das Terras de Santa Maria; Agrupamento de Escuteiros – Grupo 24; Agrupamento de Escoteiros – Grupo 18;Núcleo de Atletismo de Cucujães; Clube Desportivo de Cucujães, Atlético Clube de Cucujães; Museu Regional de Cucujães; Banda Filarmónica de Cucujães; Cruz Vermelha Portuguesa.

A estes grupos, juntaram-se ainda em desfile até ao campo de jogos do A.C.C., a Associação Desportiva e Cultural de Touguinha e o Rancho Folclórico de Vitorino de Piães, o Grupo de Danças e Cantares de Barcelos e o Rancho Infantil e Juvenil de Cucujães, concretizando um sonho há muito na mira da representante do Rancho Infantil e Juvenil da Vila de Cucujães, Laurinda Rodrigues, o I Festival de Folclore da Vila de Cucujães.

A culminar as festividades e sob a agradável temperatura que se fez sentir pela noite dentro, deu-se o 7º Encontro de Concertinas que decorreu no Campo de Jogos do ACC, e terminou com cantadores ao desafio. Permitiu-se assim, a expressão da cultura na vertente institucional, na vertente da escrita, do folclore, da música e pela vivência e convivência cultural dos Cucujanenses.